VAREJO 4.0

Por Alexandre Guimarães

As empresas NÃO MORREM somente por fazerem as COISAS ERRADAS. Elas morrem também por fazerem as COISAS CERTAS por um TEMPO LONGO DEMAIS.

O conceito de VAREJO vem se atualizando praticamente todo dia. Antes era preciso dar foco no produto, agora é preciso pensar no cliente e em como ele vai viver uma experiência junto ao VAREJO, ganhar sua atenção, criar uma certa emoção, um ponto de tensão, e o relacionamento de confiança junto a marca…..isso me lembra um pouco o varejo de antigamente, a antiga barraca de frutas do “Seu Manoel”, a quitanda do “Seu Zé”, onde nossos pais e avós frequentavam o estabelecimento por conhecer e ter a confiança no dono do negócio….meio que voltamos a resgatar um pouco do nosso passado, mais uma vez.

As tendências digitais como Realidade Aumentada, Inteligência Artificial, OmniChannel, Design Thinking, IoT, Chatbots, Geolocalização…….opa, geolocalização ??? como assim ??…Exatamente isso, até a localização está virando um meio bem interessante para chamar a atenção do cliente e criar uma experiência bem interessante…. Se liga…. Neste final do ano de 2018, a Burger King lançou um novo comercial “trolando” mais uma vez o Mc Donald’s….os caras tiveram uma sacada onde “transformaram” mais de 14.000 Mc Donald’s em restaurantes do Burger King……foi simples, o BK lançou uma promoção pelo seu APP, onde o cliente que estiver num raio de 100 metros de um Mc Donald’s é automaticamente liberada a compra de um Whooper pelo preço de 1 centavo de dólar…porém só para quem utilizar o APP. Após comprado, o aplicativo já mostra o caminho para uma BK mais próxima. O cara que criou tem que ganhar um prêmio de gênio. VEJA AQUI O COMERCIAL

Outro dia pude ver uma situação um pouco antiga em relação aos dias de hoje….estava sendo analisado o porque da queda nas vendas junto a lojas de varejo, mas o que estavam analisando era a venda de produtos, o que tinha caído….claro que isso precisa ser analisado, mas temos que ir buscar as respostas primeiro junto ao CLIENTE, ter o contato, o olho no olho….quem sabe o motivo pelo qual deixa de comprar é o CLIENTE….podemos colocar 10 mil produtos, mas se não for o que o CLIENTE quer, não vai adiantar nada. CLIENTECLIENTE, CLIENTE….FOCO NO CLIENTE…só pra deixar bem claro…rs VAREJO 4.0 trouxe o conceito de UX pra dentro do negócio, User eXperience, qual a experiência que o usuário, CLIENTE, está tendo com a nossa loja, com nossa marca…? fundamental, porque se o cliente não tiver uma experiência ele simplesmente pode ir em outra loja ou até mesmo sacar seu celular e comprar de onde ele quiser.

A indústria se ligou na onda do VAREJO 4.0. Hoje a Indústria está chegando direto no CLIENTE, sem precisar do distribuidor, do mercadinho, da loja. Através do OminiChannel, a indústria facilitou o acesso para o CLIENTE comprar diretamente, reduzindo inclusive valor. Faber CastellFiniBrinoxSuvinil….se a indústria já se ligou, porque o varejo acha que o modelo antigo vai dar certo ???

Dados divulgados pela Ebit no início do semestre, atestam que as vendas pela internet, no Brasil, totalizaram R$ 47 bi em 2017, destes 48% foram via mobile, isso representa um crescimento de 7,5% em 2017. No primeiro semestre de 2018 o comércio on-line teve um crescimento de 31% (Fonte: E-commerce Brasil), o ticket médio teve um crescimento de 7%, em comparação ao mesmo período de 2017. Segundo o SPC Brasil, mais de 89% dos brasileiros fizeram alguma compra na internet no ano de 2017, imaginem em 2018.

“…é importante que empresas – principalmente as tradicionais – considerem fatores como culturas inovadoras e mudança de conceitos de negócio, além de revisão de processos. Se o cliente é digital, as empresas não podem ser analógicas” Edson Machado Filho – OasisLab

FATO: Muitos comércios vão acabar caso não atentem para as mudanças ao cenário digital. Quem não é visto, não é lembrado.

“Registramos no 1º semestre de 2018 um aumento de expressivos 41% no volume de pedidos por meio de dispositivos móveis…” Keine Monteiro – Ebit/Nielsen

Bom, voltando a barraca do “Seu Manoel”, até ele mudou seu negócio. Colocou um sistema de pedidos online e criou um Delivery com pagamento via cartão, sim, da maneira mais simples o Whatsapp mudou a vida dele, a bicicleta resolveu as entregas e uma maquineta de cartão trouxe a facilidade….se o “Seu Manoel” se ligou no VAREJO 4.0, porque nós não vamos ??? Até quando vai dar certo o mesmo de antes ???

Texto original publicado em 30/01/2019 no Linkedin

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s